Biblioteca Municipal Benedito da Cunha Melo – Antiga Casa do Barão de Limoeiro

Endereço do bem: Rua Marilita Martins, -Jaboatão Centro
Nome do Proprietário: Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes

É considerado um dos belos prédios históricos de Jaboatão, pela sua beleza peculiar. Sua história começa na segunda metade do século XIX.

O prédio chama a atenção principalmente pela sua arquitetura, bastante distinta do restante da cidade. Constitui um sobrado com colunas de ferro sustentando os alpendres, o que lhe confere um grande valor pela raridade dessa característica na região. O piso é todo ladrilhado e as portas e janelas possuem vitrais coloridos muito bonitos. Os cunhais, portas e janelas possuem cercaduras dentilhadas, o que lhe é bastante peculiar.

Uma escada de madeira no interior permite o acesso a uma varanda de onde é possível ter uma bela vista da cidade. O interior da casa é ornado com 04 quadros nas paredes pitados e fixos com uma bela moldura adornada de folha de ouro. As pinturas retratam o dia a dia da cidade daquela época.

O barão de Limoeiro, proprietário dos Engenhos Penanduba, constrói a casa e a dá como dote de casamento da sua filha que casou com o Dr. Levino de Queiroz Lima.

O edifício passou posteriormente a pertencer ao Sr. Bernardino de Sena Pontual e em seguida ao Sr. Alcides Bandeira. Este era casado com a Srª. Marilita Bandeira que, após enviuvar-se se casou com o Sr. Antonio Geraldo Martins de Albuquerque. Daí, o prédio ser conhecido como Casa de “Marilita Martins”.

A casa passou a pertencer à Igreja Congregacional, e, posteriormente, foi adquirida pela prefeitura.
Foi transformada, então, na década de 70, de Casa da Cultura e depois teve diversas funções como: Secretaria de Turismo, Secretaria de Educação e O Instituto Histórico de Jaboatão, durante muito tempo, antes de adquirir sua atual sede própria, também funcionaram nesse prédio, em uma pequena sala. Hoje sedia a Biblioteca Pública de Jaboatão – Benedito Cunha Melo.

A Antiga Casa de Marilita Martins é um bom exemplo de como um prédio histórico pode ser preservado. Como houve sempre o interesse em lhe atribuir alguma funcionalidade pública, o prédio passou por várias reformas que adaptaram o uso moderno, mas preservaram suas características originais.

Check Also

MOSTRA CULTURAL DO JABOATÃO PRORROGA PRAZO PARA AS INSCRIÇÕES

A Secretaria Executiva de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, no uso de suas atribuições que …